Home > Curiosidades > Conheça os sistemas de proteção utilizados nos capacetes ciclismo
Conheça os sistemas de proteção utilizados nos capacetes ciclismo
16/10/2020
Curiosidades
A cada ano surgem novas tecnologias no mundo esportivo e isso é algo muito bom para todos os praticantes de esportes. Com o crescimento do ciclismo mundo afora, várias tecnologias empregadas em outros esportes mais radicais passaram a fazer parte do mundo do ciclismo, especialmente naquele que talvez seja o item de segurança mais importante pra quem pedala - o capacete bike.

Nesse post vamos falar um pouco mais e diferenciar as principais tecnologias existentes e aplicadas junto aos capacetes ciclismo para entender melhor o que são e os motivos de muitas vezes assustarem quanto aos valores, se liga ai:

Quais os componentes mais comuns de um capacete de bike?


A construção dos capacetes de ciclismo são muito parecidas em diferentes pontos. A primeira delas é a parte externa, o chamado casco e a segunda parte seu interior que é formado pelo vulgarmente conhecido isopor, mas que possui uma série de características diferenciadas do que é o Isopor® comercial, por isso, o nome eps (expanded polyestiren - poliestireno expandido).
  • Quais as funções do casco?
A função do casco em si, é proteger o eps. Isso é feito justamente porque o a formulação do eps é resistente contra impactos e não atritos (é só lembrar das maquetes de Isopor® nas escola, que além de quebrarem facilmente ao esfregar uma placa em outra viram apenas flocos.

Por isso, o casco em uma queda, por exemplo, acaba impedindo do eps entrar em contato direto com o solo e se esfarelar, realizando sua função essencialmente.
Mas isso não significa dizer que o casco tem que ser grosso, pesado ou o inverso disso. Ele precisa ser eficiente nessa proteção e tentar ajudar o eps a funcionar também.
  • Qual a função do eps?
Aqui sim, a proteção para o ciclista é efetiva. O eps tem como principal função realizar a absorção dos impactos e tentar dissipar ele entre si, transmitindo o mínimo de danos ao cérebro.

Esse dano é derivado da força de impacto que atua de diversas formas, desde a rotacional, até por meio de vibrações, e que podem causar sérios danos ao ciclista, inclusive a morte se não for boa o suficiente.

O formato em geral compacto e aglomerado é proposital, assim, com os impactos ele tende a se dissipar de um espaço para o outro, minimizando os danos repassados à cabeça e cérebro consequentemente. 

Normalmente, o eps acaba rachando nesses casos e ai mesmo que a queda não tenha sido tão grave ou ainda se o capacete bike só caiu do sofá, é quase certo que o eps não vai mais proteger da mesma forma que antes, ou seja, adeus capacete bike.

Quais as tecnologias principais atuais dos capacetes ciclismo?

Com tantas tecnologias novas no mercado, alguns nomes e funcionalidades acabam ficando confusas. Por isso, montamos esse guia de tecnologias de proteção dos capacetes bike para você garantir que a proteção que você procura seja a mesma encontrada no modelo que você quer, confira a seguir as principais existentes atualmente no mercado.
Mips® 

A tecnologia Mips® já não é uma novidade no mercado, já que ela equipa vários modelos de capacetes de bike há pelo menos 5 anos e tem cada vez mais se estendido para modelos de entrada, já que a marca já evoluiu a tecnologia.

O Mips® convencional é a sigla em inglês para Multi directional Impact Protection System, ou seja, um sistema de proteção contra impactos multi direcionais. Todo esse nome nada mais é do que capacidade de absorção e dissipação de impactos de diferentes ângulos, já que os capacetes em geral possuem apenas testes e maior eficiência nos impactos diretos o centro do topo da cabeça.

Mas quem cai desse jeito no chão? Foi pensando nisso que surgiu o Mips®, afinal, uma queda ou impacto pode ocorrer de todos os ângulos e a tecnologia foi desenvolvida para ajudar nisso.

Ela consiste em uma camada que fica entre o forro e o eps do capacete bike. Essa camada tem fixação junto à cabeça do ciclista, deixando o casco e eps firmes, mas com mobilidade, ou seja, em um impacto, quem acaba se movendo é o casco e eps, dissipando melhor os impactos já que quem se move é o capacete e não a cabeça do ciclista.
Mips® Spherical

A evolução do Mips® convencional equipa atualmente os capacetes bike topo de linha de diversas marcas, como Giro, Bell, Fox e outros. Alguns modelos utilizados por profissionais como o Capacete Giro Aether e Capacete Giro Manifest são excelentes parâmetros para entender a evolução do sistema Mips®.

O Mips® Spherical remove a camada entre forro e eps/casco e recria a mesma movimentação entre casco e eps, garantindo muito mais leveza e eficiência na proteção contra impactos, até mesmo porque para o casco inteiro se movimentar sobre o eps, ele recebe um reforço estrutural, garantindo alta qualidade e eficiência, comparada inclusive com capacetes de fórmula 1.

O melhor da tecnologia Mips® Spherical é que ele pode ser aplicado em todos os tipos de capacetes ciclismo, tanto é que o Capacete Giro Aether é de estrada e o Capacete Giro Manifest é voltado para o enduro, ou seja, é maior na parte posterior e possui pala, o que torna muito mais difícil aplicar algumas tecnologias de proteção nesses modelos.

O detalhe tanto do Mips® convencional quanto do Mips® Spherical é que em ambos os casos, a adição da tecnologia não atrapalha em nada o desempenho pelo peso ou conforto para a respiração da pele, ou seja, você ganha e proteção e não perde nada do que o capacete bike pode oferecer com esses sistemas.

 
WaveCel®

A tecnologia exclusiva da marca da Trek é realmente impressionante, mas se você procura um capacete de bike com essa tecnologia só vai encontrar nos modelos da marca. O WaveCel® consiste em uma camada interna de plástico maleável tridimensional

Isso significa dizer que em casos de impactos essa camada acaba sendo atingida e vai dissipando a energia do impacto camada a camada. É como se comparássemos a tecnologia com a de uma suspensão bike, mas sem o retorno para a cabeça do ciclista.

Assim como o Mips®, o WaveCel® não possui um peso significativo junto ao capacete bike que seja capaz de comprometer o desempenho ou ainda de deixar a cabeça superaquecida, mantendo a qualidade na proteção, conforto e também na performance.


Fluid Inside®

Uma das maiores inovações de sistemas de proteção em capacetes ciclismo ainda aparece apenas nos chamados capacetes full face (capacetes fechados). Em geral são modelos voltados para downhill e enduro. Isso acontece porque o sistema funciona com a colocação direta de pequenas bolsas de gel visco-elástico na forração.

Essas bolsas permitem que no momento do impacto, o fluido interno auxilie na absorção dos impactos, como em uma bolsa cheia de água, reduzindo drasticamente a força do impacto e do dano transmitido ao cérebro do ciclista.

O detalhe é que o Fluid Inside® assim como outras tecnologias podem ser trabalhadas em conjunto, ou seja, já existem protótipos de capacetes no mercado com tecnologia Fluid Inside® e Mips® em um mesmo modelo, ou seja, proteção redobrada para sua pilotagem em qualquer modalidade de bike.
Ainda existem outros aditivos dos sistemas de proteção dos capacetes bike. Elas são derivadas dos fabricantes em seus cascos ou ainda no eps. São os casos da Aura® e Cage Technology® como no Capacete Giro Manifest e Capacete ASW Instinct, que é um reforço estrutural do casco.

Também existe o sistema Koroyd® dos modelos de capacetes ciclismo Smith, ActiCage Lite® com suas multi plataformas em policarbonato nos modelos de Capacetes Abus,  assim como a disposição diferenciada do eps do Capacete Fox Flux com seu sistema Varizorb® de multi densidades.

Em todos eles ainda pode ser adicionado sistemas como o Mips®, que garante ainda mais proteção em seus pedais de qualquer modalidade.
Só aqui na Mx Bikes - o maior e melhor site de ciclismo do Brasil você encontra a maior variedade de capacetes bike para pedalar com segurança com as maiores marcas e modelos, como Fox, Giro, Bell, Lazer, ASW, Abus, Kali, Scott, NorthWave, Louis Garneau, Rudy Project, Spiuk e muito mais.

Acesse AQUI agora mesmo e confira. Até a próxima.

Dúvidas na hora de escolher o tamanho do capacete? Confira a seguir como medir corretamente:

Posts Relacionados
Promoções MX
REDES SOCIAIS
Informe seu e-mail e receba notícias e novidades
MX Bikes Comercio Artigos Esportivos Eireli - ME | CNPJ: 08.933.109/0001-93 | Rua Sem Denominação 210 - Contenda São José dos Pinhais - PR CEP. 83115-970
Copyright 2007-2015 mxparts.com.br. Todos os direitos reservados.